• Notícia

SETEMBRO AMARELO

Celebrar a vida e tudo que ela tem. Falar como se vive a vida, falar do que se sente e como se sente. Contudo não só nos setembros amarelos, mas em todos os momentos. É preciso falar do que aflige. Afinal é sabido: há momentos na vida de qualquer um que se pode perder a vontade e a coragem de seguir em frente. Quando isto acontece nada melhor que falar. Falar com quem se confia, falar da sua dor. Alias, falar de suicídio salva vidas.